Papa João Paulo II no Rio

Hoje santo, carismático Papa reuniu multidão no Maraca em 1980

O dia de São João Paulo II é 22 de outubro, mas os cariocas que vivenciaram sua presença no Rio de Janeiro nunca esquecerão também o dia 2 de julho de 1980. À época, Karol Józef Wojtyła era o Papa João Paulo II, que veio para nossa cidade a fim de visitar o Cristo Redentor e participar da ordenação de vários presbíteros no Maracanã.

Foi a primeira vez que a autoridade máxima da Igreja Católica veio ao Brasil, então a expectativa era enorme por parte dos fieis. Até porque Sua Santidade fez uma longa viagem pelo país. Foram 13 cidades visitadas, com grande carinho dos brasileiros por ele. Houve até declaração de feriados nacionais durante o período.

No Maracanã, João Paulo II celebrou a missa e, em sua homilia, falou aos presbíteros de todo o Brasil que estavam prestes a serem ordenados ali. E, mais do que conselhos aos futuros padres, abordou também temáticas sociais.

"O meu ardente desejo é ajudar-vos a compreender a grandeza e o significado do passo que estais para dar. Esta hora solene terá sem dúvida um reflexo sobre todas as que virão depois no decurso da vossa existência. Devereis voltar muitas vezes à recordação desta hora para tomar impulso para continuar, com renovado ardor e generosidade, o serviço que hoje fostes chamados a exercer na Igreja", disse o Papa a eles.

Em 1997, João Paulo II voltaria ao Rio de Janeiro, e pisaria novamente no Maracanã. Dessa vez, para o II Encontro Mundial com as Famílias. Mais uma vez, estádio lotado para ver o mais carismático líder da Igreja Católica. Agora, dialogando diretamente com todos, frisando a importância da família bem estruturada para a sociedade.